CONTADOR GOOGLE: 16 MILHÕES DE ACESSOS!

CURTA O ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK

SUPERMERCADO ADONAI - AV. AMÉRICO NOGUEIRA, CLODOALDO

KITANDA E MERCEARIA MOTA - Direção MIRALDO MOTA

SUPERMODA - NA ALAMEDA RUI BARBOSA

PAX PERFEIÇÃO - QUEM É VIVO SE ASSOCIA!

PAX PERFEIÇÃO - QUEM É VIVO SE ASSOCIA!

domingo, 15 de agosto de 2021

A TRISTE HISTÓRIA DO PRESO MAIS JOVEM A SER TORTURADO PELA DITADURA MILITAR - CARLINHOS TINHA SÓ  2 ANOS DE IDADE

Durante 21 anos o Brasil esteve enterrado em um período conhecido como Ditadura Militar. Entre 1968 e 1974, ocorreu o momento em que historiadores denominam como “Anos de Chumbo”. Esse período de tempo, quando o Brasil era dirigido pelo General Médici, se configurou como o maior acirramento e violência por parte do aparelho repressivo do Estado.
Foi nessa época que se intensificaram as torturas e assassinatos de líderes políticos, inimigos do regimes, suspeitos, civis e até mesmo crianças. Sim, crianças. A Ditadura não perdoou nem o futuro da nação.
Hoje contaremos a história do preso mais jovem da Ditadura Militar, seu nome é Carlos Alexandre Azevedo e, na época, tinha menos de dois anos de idade.
Carlinhos, como era chamado, era Filho do jornalista Dermir Azevedo e da pedagoga Darcy Andozia Azevedo, ambos com ligação com grupos de esquerda, Alexandre, na época com um pouco mais de 2 anos, foi preso pela polícia civil do DOPS (Departamento de Ordem Política e Social), na tentativa de chantagear e torturar os pais. Mas o garoto foi também muito torturado, ele tomou choques elétricos e foi usado como instrumento para machucar sua mãe psicologicamente, em uma sessão cruel e desumana.
Os torturadores diziam a sua mãe que transformaria o garoto em um picolé, que cortariam os braços e pernas dele. Fizeram o menino gritar e chorar aos berros na tentativa de tirar da genitora informações que pudessem levar ao pai do garoto, na época foragido
Os autores das torturas esperavam que a genitora de Alexandre concedesse também informações sobre movimentos de esquerda e suas principais articulações, mas ela não sabia de nada. Para atingir tais objetivos, cometeram o terrível crime de torturar cruelmente a criança, que nunca mais conseguiu se recuperar psicologicamente, porque além de ser torturado o garoto assistiu os algozes fazendo barbaridades com a mãe.
Em 2013, Alexandre cometeu suicídio, pois era acometido por sequelas desenvolvidas nas torturas que nunca saíram da sua mente.

11 comentários:

  1. Meu Deus quanta maldade nesse mundo.nao entendo nunca vou entender o ser humano!

    ResponderExcluir
  2. Leiam o livro Verdade Sufocada do Coronel Brilhante Ustra que vao ver a verdade que os livros de história não contam. A maior ditadura é a que a Esquerda comunista, liderada por Lula tentou implantar no Brasil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desde quando Lula ou o PT praticou algum tipo de ditadura? Como pode ser tão mal informado? Ustra foi um bandido um torturador de direita, idolo maior do do pior ladrão, criminoso e corrupto Jair Bolsonaro. Você delira e ta cheio de ódio!

      Excluir
  3. Tô preucupada com a criança e não com o ustra.

    ResponderExcluir
  4. porra de ustra o importante era a crianca esses miseraveis mataram imundos o inferno lhe tenha

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Pura mentira. Essas histórias foram inventadas pela teoria da conspiração. Numa existiu Ditadura dos militares. Dona Dilma nesse época era assaltante de banco e não militante. Incendiava lojas, andava armada. Parem de ser otários!! Hoje o Brasil com essa tal democracia vive a pior ditadura de todos os tempos. Não se pode mais nem criticar o STF que já é motivo de prisão. Abram os olhos em quanto é tempo. Nossa liberdade está ameaçada. Diga não só PT desse comunista Lula

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai estudar mal informado,o Brasil tem história!!!!

      Excluir
    2. Falou tudo, os verdadeiros ditadores que são ex presidiário e sua quadrilha, com apoio da Globo lixo estão fazendo de tudo para voltar ao poder

      Excluir
  7. Meu Deus e ainda tem gente querendo defender ustra...lamentável...

    ResponderExcluir
  8. O que me deicha triste um militar , se esplessar que houve ditadura
    O que ouve que vagabundo não tinha vida de conforto, que a família e os direitos a liberdade.
    Fico triste por muitos por dutrinacao ou por vantagens indevidas

    ResponderExcluir

Comentários sem o seu NOME não serão aprovados

MATÉRIAS ASSINADAS , com FONTE, são de responsabilidade de seus autores.

contatos blog: whats: (77) 98128-5324

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK